INA cria primeira incubadora para jovens do Ensino Profissional

A OficinaEscola Profissional do Instituto Nun’Alvares (INA) formalizou a constituição da Oficina Startup, a primeira incubadora de projetos empresariais dirigida aos estudantes do Ensino Secundário Profissional. O INA recorreu a parcerias de referência da região e constituiu a Oficina Startup precisamente no dia em que assinalou o seu 25º aniversário.

INA cria primeira incubadora para jovens do Ensino Profissional

Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Câmara Municipal de Santo Tirso, Universidade Católica Portuguesa, Universidade Lusíada e as Associações Comerciais e Industriais de Vila Nova de Famalicão e Santo Tirso, foram as entidades que assinaram protocolos com a Oficina que corporizam as formas de cooperação e organização em relação à nova estrutura de incubação que pretende promover uma nova forma de pensar o Ensino Profissional, proporcionando aos alunos a possibilidade de potenciarem as suas competências pessoais e profissionais.

Deste modo, e ao abrigo deste projeto, os alunos mais empreendedores poderão implementar os seus projetos profissionais com o apoio da escola e da rede de instituições parceiras que se associam a este novo modelo de inserção na vida ativa.

Com este projeto inovador, a Oficina integra o modelo de incubação de negócios no Ensino Profissional, acrescentando valor à sua oferta formativa e consolidando a sua relação com as instituições diretamente envolvidas no projeto.

Miguel Sá Carneiro, Diretor pedagógico

A Oficina Startup é a resposta da Escola Profissional do Instituto Nun’Alvres ao desafio da estratégia Europa 2020 e às necessidades dos alunos e da comunidade.

A Oficina Startup pretende aproveitar a capacidade instalada na Escola Profissional do INA, nomeadamente ao nível do ensino das indústrias criativas, e assim criar um autêntico ninho de empresas onde os jovens empreendedores possam desenvolver novas ideias de negócio e colocar em prática os conhecimentos adquiridos ao longo do processo educativo naquela escola sediada em Areias, Santo Tirso, mas frequentada por muitos jovens famalicenses.

Para o Município de Vila Nova de Famalicão, que se fez representar na cerimónia pelo vereador da Educação e do Empreendedorismo, esta parceria concretiza mais um passo importante para a estratégia que vem sendo desenvolvida pela autarquia no âmbito do programa Famalicão Made IN de estímulo e desenvolvimento ao empreendedorismo jovem.

Leonel Rocha sublinhou ainda que o INA é uma referência nacional no Ensino Profissional, sendo a Oficina Startup um “excelente exemplo da sua capacidade de inovar e fazer cada vez mais e melhor”, e que “desde a primeira hora está empenhado no desenvolvimento deste modelo de ensino e na promoção do desenvolvimento da região através da formação profissional dos jovens”.

Deixe um comentário